Detentos da Penitenciária Masculina de Tubarão produzirão fraldas descartáveis
Foto: Divulgação

Detentos da Penitenciária Masculina de Tubarão vão trabalhar na produção de fraldas descartáveis pediátricas e geriátricas. O trabalho será realizado em uma oficina que está sendo implantada dentro da unidade. Os equipamentos e os materiais necessários para a fabricação dos produtos estão em fase a aquisição.

Os internos que atuarão na oficina passarão por um treinamento. Neste primeiro momento, quatro detentos devem trabalhar na oficina, mas a perspectiva é que esse número seja ampliado.

O objetivo da oficina é fomentar o trabalho, capacitação, remuneração, remissão da pena, bem como oferecer condições dignas de cumprimento da pena, contribuindo para a ressocialização dos internos.

O projeto e a liberação da verba para a sua implantação foram autorizados pelo Ministério Público e a Justiça em Tubarão.

A ideia é que parte das fraldas descartáveis confeccionadas seja direcionada para o comércio para que a venda gere renda para pagar os internos e para a compra de insumos, tornando a oficina autossuficiente. Alguns lotes serão doados para instituições filantrópicas e órgãos públicos.